Aqui estão produtos do projeto “Design de superfície na Amazônia: referências visuais da iconografia arqueológica do oeste do Pará no desenvolvimento de estampas têxteis” da Luciana Leal, contemplado pela 13ª edição da Bolsa de Criação, Experimentação, Pesquisa e Divulgação Artística do Instituto de Artes do Pará (IAP) – 2014.

O projeto foi idealizado com a intenção de pesquisar referências visuais em peças arqueológicas dos índios Tapajós, da região oeste do Pará, a fim de produzir estampas contínuas para aplicação em tecido. No dia 9 de dezembro rolou o vernissage da exposição no Instituto de Artes do Pará, em Belém, com 20 estampas impressas em tecido; quadros estampados; a publicação online de um catálogo com as estampas do projeto; relato de experiência da Luciana; bate-papo e uma tocada minha com controladores.

O vídeo a seguir é ilustrado com fotos e outras imagens produzidas no projeto, e o áudio dele foi o gravado na noite do vernissage.

Todas as estampas criadas tiveram como inspiração as peças arqueológicas do Laboratório Curt Nimuendaju, da Universidade Federal do Oeste do Pará – UFOPA, que estão reunidos no catálogo “Design de Superfície na Amazônia – Estampas Tapajônicas”.

O álbum abaixo é o registro em fotos da noite de abertura da exposição.

Vernissage da exposição Design de Superficie na Amazônia

E a seguir tem a tocada minha que rolou após o bate-papo com a Luciana. A música é um arranjo pro Allemande do Solo para Flauta Transversal de Bach, programado e executado num Maschine; e foi feita pensando num desfile com peças de vestuário confeccionadas a partir dos tecidos da exposição.

Se quiser acompanhar o trabalho da Luciana, tem mais coisas no perfil dela no Flickr (www.flickr.com/luleal); e para mais informações sobre o projeto, o email pra contato é leallucian@gmail.com.

cartaz_designdesuperficie

Cartaz da exposição

2 Thoughts on “Design de Superfície na Amazônia

  1. Greyce Lisboa on dezembro 15, 2014 at 7:35 pm said:

    Olá Luciana e Fábio! Vim registrar a grande felicidade em ver a nossa região do Tapajós mais uma vez reconhecida e inspirando grandes exposições, além de deixar a criatividade da Luciana bem aflorada!

    Adorei! Parabéns!!!

  2. muito interessante nunca tinha visto isso antes… obrigado

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Post Navigation